sexta-feira, setembro 30, 2022

Entenda a importância da inteligência emocional no ambiente de trabalho

Conhecer os próprios sentimentos e saber lidar com eles é fundamental para qualquer pessoa, mas você sabia que essa habilidade vai além? A inteligência emocional no ambiente de trabalho é um tema cada vez mais atual e pertinente, ainda mais quando falamos de trabalho em equipe e em exercer um bom desempenho profissional.

Afinal, “O conceito de inteligência emocional veio acrescentar uma importante visão sobre as diversas dimensões do ser humano”, e isso inclui o âmbito profissional. Quem faz essa afirmação é Sirley Almeida, professora do MBA em Gestão de Pessoas USP/Esalq, que explica nesta matéria tudo que você precisa saber sobre inteligência emocional no ambiente de trabalho. Confira!

Seja a transformação que seu time precisa!

Leia mais: Por que desenvolver a Inteligência Emocional?

Sentimentos x trabalho

Será que os sentimentos podem afetar seu trabalho? Segundo Sirley, todas as pessoas reconhecem que possuem emoções e que essas têm poder, inclusive, de nos fazer tomar determinadas atitudes que muitas vezes fogem ao controle da mente.

“Felizmente foi-se o tempo em que se dizia que os sentimentos deveriam ficar ‘do lado de fora’ do nosso local de trabalho. Isto sempre foi impossível, mas a tentativa era exercer um controle que pudesse minimizar as possibilidades de expressões emocionais intensas, fossem elas boas ou ruins. Julgava-se que isso poderia influenciar a produtividade das pessoas”, explica a professora.

Rumo ao sucesso profissional

Estudos da Talent Smart (empresa americana de consultoria empresarial) afirmam que o nível de inteligência emocional (Quociente Emocional) corresponde a 58% do sucesso profissional em qualquer carreira.

A professora explica que, hoje, estudos sobre inteligência emocional trouxeram à tona a importância de termos consciência sobre nossas emoções para, a partir disso, poder expressá-las de forma verdadeira e, ao mesmo tempo, apropriada.    

“Daniel Goleman, psicólogo americano e o mais famoso estudioso e divulgador do tema, nos provoca perguntando: por que algumas pessoas, com um nível de inteligência racional maior, têm menos sucesso profissional que outras? A resposta está na inteligência emocional, pois habilidades tais como autocontrole, persistência, automotivação, tão importantes para nosso crescimento profissional, são do campo da inteligência emocional”, acrescenta Sirley.

mulher pensativa exercendo a inteligência emocional no ambiente de trabalho
Profissionais que dominam a inteligência emocional no ambiente de trabalho se destacam profissionalmente!

Leia mais: Inteligência Emocional: a ferramenta para resolução de problemas

Como se beneficiar dos seus sentimentos?

Simples: conheça-os e aprenda a lidar com eles. Segundo a professora, profissionais que tem inteligência emocional no ambiente de trabalho são capazes de:

  • Ter relacionamentos mais harmoniosos;
  • Aumentar o próprio nível de percepção para com as pessoas ao redor;
  • Aumentar a produtividade em geral;
  • Aumentar o foco nas tarefas em geral (diminuir a procrastinação);
  • Controlar as emoções para benefício próprio;
  • Aumentar a qualidade de vida.

Esse é só mais um dos temas atuais que fazem a diferença na sua jornada profissional. Quer aprender mais sobre inteligência emocional no ambiente de trabalho? Então inscreva-se hoje mesmo no MBA em Gestão de Pessoas USP/Esalq e invista na sua carreira.

Você também pode gostar desses conteúdos:

Autor (a)

Acacio Junior
Acacio Junior
Marido, cristão, apaixonado pela vida e por boas amizades. Uma longa caminhada até aqui tornou possível minha integração no mundo da Comunicação e agora me aventuro na produção de conteúdos escritos e, sinceramente, não poderia estar mais feliz. Hoje, me encontrei dentro das escritas e do aprendizado diário em um mundo cheio de histórias das quais espero descobrir.

Compartilhar