sexta-feira, dezembro 9, 2022

Como diminuir o turnover na sua empresa

Turnover é o termo que representa a rotatividade dentro das empresas. Uma alta rotatividade de funcionários gera um custo elevado para a organização, dados os encargos de se demitir, contratar e treinar novos funcionários.

Para Simone Abrantes Estrela, docente dos MBAs USP/ESALQ na disciplina de Gestão de Pessoas, “dentre os motivos que justificam um turnover alto dentro de uma empresa é a remuneração pouco atrativa frente à média do mercado e a falta de habilidade dos líderes para gerir as pessoas rumo a um propósito”.

Se a sua empresa está passando por dificuldades para reter os funcionários, confira as dicas que a docente tem para ajudar a diminuir essa rotatividade de colaboradores.

1- O primeiro passo é a realização de um diagnóstico para identificar os principais motivos do turnover. É relevante perguntar: essa rotatividade acontece em maior parte devido a pedidos de desligamento por parte do colaborador ou por decisões de demissão por parte da empresa?

Importante destacar que essa análise não é de responsabilidade somente da área de Recursos Humanos. A liderança também precisa atuar de modo estratégico para a manutenção do seu quadro de colaboradores, afinal, são os gestores que acompanham de perto a dinâmica do time.

Se o principal motivo da evasão for por decisão dos colaboradores, realizar uma entrevista de desligamento é uma excelente ferramenta. Nesse diálogo pode-se avaliar motivos de insatisfação com a remuneração, as atividades, com a liderança, falta de engajamento com a equipe, conflitos de relacionamento, uma nova proposta de trabalho ou motivos pessoais.

Depois, com esses dados em mãos, a empresa tem condições de implementar as melhorias necessárias para reter os profissionais.

2- Para reter os profissionais, vale realizar uma pesquisa de clima organizacional com o objetivo de antever os problemas para atuar na resolução e prevenir os pedidos de desligamento.

Também é importante desenvolver a liderança, pois uma equipe de gestores bem formada tem como habilidades a capacidade de motivar as pessoas, compartilhar visão e propósitos, formar equipes, construir metas, proporcionar oportunidades de crescimento, reconhecer os talentos e desenvolver competências.

Assim, é maior a chance de se construir na equipe um sentimento de engajamento e identificação com a organização. Com isso, diminuem também as demissões por falta de investimento na qualificação e amadurecimento do colaborador.

Gerir pessoas não é tarefa fácil e por isso os líderes precisam ter conhecimentos específicos para coordenar uma equipe e levá-la ao seu potencial máximo. O que você acha que é mais importante na gestão de pessoas? Participe! Deixe sua opinião nos comentários.

Compartilhar